• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Anuncie
  • Resenhas Novas

    Guardiões da Galáxia II


    Guardiões da Galáxia é um filme não tão típico da Marvel. Talvez, exatamente por fugir dos padrões de filmes de heróis do estúdio, esse seja um dos melhores filmes deles. Seu segundo volume veio trazendo de volta tudo que gostamos tanto no primeiro filme: a referência á cultura pop, os elementos nostálgicos dos anos 80 (alô trilha sonora mara!), o humor perfeitamente bem inserido, o drama familiar e um grupo de heróis imperfeitos que não são nada do que se espera deles.

    O longa veio para explorar e dar mais profundidade aos personagens e suas relações familiares (principalmente Peter e seu pai). Tudo isso com muitas piadas e um cenário vibrante e cheio de possibilidades. Gunn nos traz um filme que é bem despretensioso, mas que nem por isso deixa de ser bem calculado.


    As primeiras cenas nos trazem uma grande quantidade de humor e piadas, mas cada acontecimento é pensado de maneira a acrescentar, desenvolver a trama. Ou seja, tudo tem seu propósito e suas consequências dentro do filme, mesmo as piadas que podem parecer desnecessárias (e que dão um tom de comédia bem forte ao longa).

    A ação mesmo começa lá pela metade do filme, quando, se você ainda não foi pego pela trama narrada, ficará com a bunda colada na cadeira, preso a tela, envolvido em todo o drama familiar espacial mostrado nas telas. Com direito a efeitos especiais de primeira, um cenário arrebatador, rico e bem pensado em cada detalhe.


    Um destaque espcial vai para o elenco do filme, que deu um show nas atuações. O grupo principal não foi surpresa, mas Kurt Russell como Ego foi brilhante e até Sylvester Stallone cumpriu seu papel com exelência. A participação especial de Stan Lee foi a cereja do bolo, e confesso que a cena em que ele aparece foi uma das quais eu mais esperava.

    De um modo geral, Guardiões da Galáxia dá um banho em muitos dos filmes (repetitivos) da Marvel. Uma trama despretenciosa mas que nos conquista, um elenco sensacional, humor na medida certa, um cenário rico e um drama muito bem trabalhado. É um filme que os fãs não podem perder, cheio de referências e easter eggs - sem prejudicar o entendimento dos leigos. Vale uma (ou duas) idas ao cinema para apreciar.

    Assista ao trailer:


    Beijos,

    O Diário Secreto – Gusta Stockler


    Gusta Stockler divide com os leitores algumas de suas experiências e visões de mundo, que podem ajudar as pessoas a ser mais felizes e a acreditar nos próprios sonhos.
    Este livro fala sobre sonhos, não os de padaria, mas tão gostosos quanto. Fala sobre a importância de descobrirmos nossos talentos secretos e nossos desejos mais ocultos. Nesta obra, Gusta Stockler fala sobre a importância de sonhar, mas também sobre se arriscar, ser criativo e se reinventar, e sobre os medos, a autocrítica e a falta de persistência que podem nos desviar do caminho.
    De maneira muito verdadeira, bem-humorada e despretensiosa, Gusta Stockler quer dividir com você um pouco da vivência dele sobre a arte de ouvir o coração e encontrar seu verdadeiro talento, incentivando você a perceber a importância de lutar e acreditar nos sonhos e, acima de tudo, persistir para alcançar uma vida feliz. - SKOOB

    Beleza Perdida - Amy Harmon


    Ambrose Young é lindo — alto e musculoso, com cabelos que chegam aos ombros e olhos penetrantes. O tipo de beleza que poderia figurar na capa de um romance, e Fern Taylor saberia, pois devora esse tipo de livro desde os treze anos. Mas, por ele ser tão bonito, Fern nunca imaginou que poderia ter Ambrose… até tudo na vida dele mudar.

    Beleza perdida é a história de uma cidadezinha onde cinco jovens vão para a guerra e apenas um retorna. É uma história sobre perdas — perda coletiva, perda individual, perda da beleza, perda de vidas, perda de identidade, mas também ganhos incalculáveis. É um conto sobre o amor inabalável de uma garota por um guerreiro ferido.

    Este é um livro profundo e emocionante sobre a amizade que supera a tristeza, sobre o heroísmo que desafia as definições comuns, além de uma releitura moderna de A Bela e a Fera, que nos faz descobrir que há tanto beleza quanto ferocidade em todos nós. - SKOOB

    Para sempre Valentim

    Há anos atrás, navegando pelo wattpad eu comecei a ler um livro que me prendeu na primeira página: 8 segundos. Desde então me tornei fã de carteirinha da Camila Moreira e só tem um livro dela que ainda não li (shame on me). Depois de todos esses anos me encantando com seus livros não é surpresa nenhuma pra mim eu ler um conto tão maravilhoso e tocante como esse. É incrível como, em 76 páginas a autora consegue fazer o que muitos em centenas de páginas não fazem: ela consegue chegar no leitor, nos tocar com sua história e transmite emoção de uma maneira única, que só quem leu consegue saber.


    Para sempre Valentim narra a história de Valentim e Júlia. O primeiro, após perder os pais em um assalto aos 8 anos de idade, faz da meta da sua vida se tornar policial, o que conseguiu com louvor. Em uma de suas folgas, casualmente, ele presencia Júlia e sua amiga serem assaltadas e imediatamente sente uma conexão com ela como nunca sentiu na vida. Uma conexão intensa e recíproca. 

    Top comentarista de Maio!


    Hey gente! Como estão?

    Como eu disse no outro post, já estamos com um top comentarista novo no ar!! Já que vocês gostaram tanto do modelo anterior, resolvi repetir e nesse mês o ganhador terá essas duas opções do banner pra escolher! Isso mesmo, o ganhador escolhe qual dos dois livros quer levar, por isso coloquei duas opções bem diferentes, assim agrada todo mundo! Espero que gostem e participem muito!!! 

    As regras são as mesmas, mas como não custa relembrar, aí vão elas pra vocês darem uma lida: