• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Anuncie
  • Resenhas Novas

    Um Dia- David Nicholls




    Emma e Dexter. Dex e Em. Best seller. Clássico moderno. Livro eterno. Leitura inesquecível. Personagens marcantes. Só com duas palavras expressei os meus sentimentos acerca deste livro e digo mais, continuaria assim até a última linha, mas a história é tão boa que preciso contar para vocês tudo que me fez classificar “Um dia” como o melhor livro do ano.

    Sinopse:

    Dexter Mayhew e Emma Morley se conheceram em 1988. Ambos sabem que no dia seguinte, após a formatura na universidade, deverão trilhar caminhos diferentes. Mas, depois de apenas um dia juntos, não conseguem parar de pensar um no outro. Os anos se passam e Dex e Em levam vidas isoladas — vidas muito diferentes daquelas que eles sonhavam ter. Porém, incapazes de esquecer o sentimento muito especial que os arrebatou naquela primeira noite, surge uma extraordinária relação entre os dois. Ao longo dos vinte anos seguintes, flashes do relacionamento deles são narrados, um por ano, todos no mesmo dia: 15 de julho. 


    Eu tenho uma queda por livros que mostram o cotidiano, porém não imaginava que ler apenas 1 dia do ano da vida dos 2 personagens fosse me emocionar tanto. Pensei que a história acabaria sendo superficial, porque a proposta parecia uma missão impossível. Eu não sei como o autor conseguiu fazer isso de uma forma tão completa e profunda. 


    A cada capítulo, ou melhor, ano, o leitor podia apreciar as mudanças de Emma e Dexter e ainda descobrir o que de realmente importante aconteceu na vida dos dois durante o ano. Sinceramente, tive a impressão que os fatos marcantes são poucos e podemos resumi-los em apenas um dia de vida. Me peguei ,várias vezes durante a leitura, lembrando dos acontecimentos importantes que marcaram minha vida.


    A descrição dos personagens é tão suave e ao mesmo tempo tão profunda que não percebemos o quanto o livro é intenso. Você sabe que é forte, mas não se cansa de ler. É como se o leitor estivesse compartilhando aquele momento com os personagens, assistindo tudo por uma parede de vidro. Incrível, como nos identificamos com os problemas de ambos ao longo da narrativa e vibramos quando notamos alguma mudança da parte de Dexter que certamente é o mais problemático. (Os homens são sempre os mais perdidos!)


    São vinte anos de expectativas, romances, amizade, família, emprego, futuro, desejos, sonhos e morte. Todo dia 15 de Julho ( Dia em que Emma e Dexter ficaram pela primeira vez) podemos nos deliciar com tudo que ocorreu em suas vidas durante um ano e ainda concluir que um amor verdadeiro exigi convivência e amizade e que o para sempre é complicado quando estamos falando de VIDA.


    Para deixar vocês com água na boca separei um trecho em que Emma se compara a Cathy do livro Morro dos ventos Uivantes. Em várias partes do livro, o autor insere personagens de literatura clássica como se fossem íntimos. Ele cria uma identificação, dentro de outra identificação, ou seja, ele tornou o livro altamente real. É como se Emma e Dexter fossem meus melhores amigos.

    “Eu costumava fazer muitas caminhadas perto de casa na minha fase de Cathy. Em charcos selvagens açoitados pelo vento. Era emocionante.“ Não posso viver sem minha vida! Não posso viver sem minha alma!"

    Fala sério! Quem já se olhou no espelho e disse: “Ah, hoje estou me sentindo igual a Elizabeth Bennet de Orgulho e Preconceito” hahaha Sensacional. Recomendo a leitura imediata e garanto que é o melhor livro do ano.

    A intrínseca arrasou e espero que traga mais livros deste autor para o Brasil. 








    17 Comentários :

    1. Ganhei esse livro da Intrinseca num sorteio de sexta. Já me indicaram como um livro minha cara, bem drama, bem o meu estilo.

      E to vendo que é isso tudo mesmo, preciso parar tudo e começar a ler esse livro.

      Adorei sua resneha, que venham mais livros desse autor.

      Beijos amore!

      ResponderExcluir
    2. Carol esse livro esta na minha listinha mas infelizmente ainda não pude comprar #mimimi

      Adorei sua resenha, com certeza o livro teve uma aceitação muito positiva dos blogs, as resenhas geralmente falam bem \o/

      Colocar que é o melhor livro do ano acabou comigo! Judiação heim Carolzinha? #mimimi eu quero ler #choro kkk

      Parabéns pela resenha, adorei.



      OBS: essa de relacionar personagens de outros livro é otima. Adoro qdo fazem isso :)

      OBS:2- ri muiiiiiito com o seu parênteses...FATAO!

      ResponderExcluir
    3. Oi, Carol.

      Esse livro foi inesperado para mim, quer acredite ou não, quase desisti dele.

      Mas, como sou persistente, dei uma chance e foi uma grata surpresa superando as minhas expectativas, que fez com que eu chorasse no final devido às reviravoltas que deu, assim como as muitas voltas que a vida dá.

      Adoro histórias com enredos atuais e, adorei ver trechos dos meus clássicos favoritos.

      Beijos.

      ResponderExcluir
    4. Carol,

      indubitável e irrefutavelmente, essa foi a sua melhor resenha. Nesse momento, então, eu devo parar e suspirar. E apreciá-la, novamente. Em como que cada detalhe faz a diferença.

      Em um ano há 365 dias, em regra; mas, quando deixamos o nosso coração vir à tona, é esse dia o mais importante de todos - e pode se repetir por anos. Um amor assim merece a bênção de Cathy e de Heathcliff - intenso em sua moral, pervertido em sua concepção.

      Confesso que ainda não li o livro - mas, ao tratar de J. Austen e de Em. Brontë com tanta naturalidade e delicadeza faz-me repensar a minha qualificação ordinária e preexistente.

      Fico contente que existam livros assim.
      Os amores sempre vencerão, não importa que sejam irresponsáveis por mais de vinte anos os seus cupidos.

      A Intrínseca mandou muito bem. =D

      ResponderExcluir
    5. Eu nunca li esse livro, nem sou muito fã de livros assim. Mas só de ler essa resenha desperta uma curiosidade imensa pra saber o história toda. A Carol conseguiu prender a minha atenção sendo que nem gosto desse gênero, como disse no início do meu comentário. Gostei muito da resenha Carol, parabéns mandou muito bem mesmo!

      ResponderExcluir
    6. Carol, adorei a sua resenha e já consegui ele emprestado pra ler, nao li nenhuma critica negativa a respeito deste livro ainda, sua resenha ficou mesmo muito legal! Bjos
      Dana
      Feed your Head

      ResponderExcluir
    7. Gente,

      Este livro é maravilhoso msm!

      Dana, vale a pena pegar o livro agora e se concetrar na leitura. Olha q para eu falar isso de 1 lviro sem ser da Meg Cabot é pq o negócio é bom msm ahuaahau

      ResponderExcluir
    8. Eu não vejo a hora de ler Um dia, é tanta gente falando superbem dele e cada resenha que leio me convenço mais que o livro e maravilhoso! Sua resenha ficou linda, transbordando sentimento! Parabéns viu! Bjo!

      ResponderExcluir
    9. aaahhh eu estou doida pra ler Um Dia...
      Carol, apaixonei com sua resenha, me deixou mais curiosa ainda pra ler essa história!!!
      Realmente a Intrínseca arrasou lançando esse livroo!! *---*

      ResponderExcluir
    10. Caroool,
      vc falou tãaao em desse livro que me deixou desesperada para ler =/

      Fazia tempo q n via uma resenha assim!

      beijocas

      ResponderExcluir
    11. Preciso ler... quero ler... medo de ler! :>D

      ResponderExcluir
    12. Amei a sua resenha!
      Eu amei demais esse livro, ele é realmente muito intenso e genial, fiquei boba em como ele escreveu tão lindamente a história!
      Parabéns!
      Beijos!

      ResponderExcluir
    13. Gente a 'Intrinseca' ta fazendo promo no twitter pra ganhar o livro viu? Tem de postar uma fotinha na SEXTA. Eles vão sortear livros de 1 em 1 hora. #Corre.

      Mas detalhes aqui oh:

      'Imperdível! Participe da super promoção de sexta-feira (29/07) em parceria com a @intrinseca >> http://t.co/LPz5zxe '


      Bom, passei pra avisar pq achei relevante pra todo mundo. Depois dessa resenha da carol todo mundo ficou meio louca pra ler né?
      Enfim, beijos


      OBS: meninas se não puder postar isso aqui pode deletar ta? rsrs

      ResponderExcluir
    14. Clarooo que pode postar Fabi.. Sempre qdo tiver uma promoção legal avisa a gente!! Eu participor de mtas, apesar de qse nunca ganhar rsrs

      bjos

      ResponderExcluir
    15. Ei Carol...

      Ai que bom saber disso, pode deixar que sempre que souber dessas promos das editoras eu venho partilhar aqui sim \o/

      E é fato, tbem participo de um tanto mas nada de ganhar, geralmente não tenho muita sorte! #mimimi

      Achei a promo da intrinseca super bacana, o pessoal participou com um monte de fotinha criativa. Ninguem pode negar que brasileiro é criativo e super animado com promoção! #EBA

      Beijos

      ResponderExcluir
    16. Eu participei ontem da promoção que vcs estão falando, não deu para ganhar, mas ta valendo!

      Um Dia tava na minha foto, felizmente já tenho esse livro!!

      Toda sexta as promoções das editoras no Twitter bombam, eu não ganhei ontem na Intrinseca, mas ganhei na Verus, amei!!

      beijinhos!

      ResponderExcluir
    17. Ei Leninha, parabéns. Vc tem uma sorte danada! :)

      Acabou que eu nem participei #mimimi minha criatividade estava zero e meio que me assustei com as fotinhas criativas do pessoal. Cada uma mais diferente que a outra \o/

      E é fato, tooda SEXta tem sorteio no twitter. ADOLO, pena que não ganho nada. Mas ok, gosto de participar

      beijos

      ResponderExcluir