• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Contato
  • Resenhas Novas

    Beijada por um Anjo - Destinos Cruzados


    AVISO. Quarto livro de uma série então, essa resenha pode conter spoiler para quem ainda não leu os anteriores.

    "Não havia esperança. E quando não há esperança, há apenas duas alternativas: desespero ou vingança. O desespero era covarde e impotente.  Ele se vingaria."
    Prólogo - Página 11 

    Um ano se passou desde o acidente de carro que culminou com a morte de Tristan. Depois da morte de Gregory, Tristan seguiu seu caminho para a luz e não manteve mais contato, nem com Lacey. Por mais que Ivy estivesse namorando Will e tentando seguir em frente, a lembrança daquele amor tão lindo e forte ainda era viva dentro de seu coração. 

    Beth, Will e Ivy estão trabalhando em na pousada da tia de Beth durante o verão, junto com mais duas amigas: Kelsey e Dhanya. Eles ajudam Tia Cindy na manutenção, atendimento aos hóspedes, café da manhã, cuidam do jardim e aproveitam as tardes para diversão e conhecer Cape Cod. 

    Numa noite, no entanto, as meninas resolvem fazer uma sessão espírita, utilizando um tabuleiro Ouija. Mesmo relutantes, Ivy e Beth acabam cedendo à brincadeira, que sai do controle. Um portal é aberto, permitindo que um espírito maligno entrasse no mundo dos vivos. 

    À partir dái, coisas estranhas começam a acontecer. Ivy sofre mais um acidente de carro e morre. Já fora de seu corpo, ela encontra Tristam que jura amá-la para sempre e lhe dá um beijo. Um beijo que faz com que Ivy volte a viver. Mas até onde isso é real, imaginação ou sonho? 

    Ivy conhece no hospital um rapaz que sofre de amnésia e o ajuda a fugir. Compadecida da situação de João, ela passa a se aproximar daquele cara misterioso, fato que causa grande preocupação a Beth e Will, afinal, ninguém sabe quem ele é.

    Estaria Ivy sendo influenciada pelo aniversário da morte de Tristan?

    Destinos Cruzados foi escrito por Elizabeth Chandler para dar continuidade ao que seria uma trilogia. Confesso que sou totalmente reticente à series que ganham mais volumes no meio do caminho, mas com Beijada por um Anjo aconteceu exatamente o contrário. Os dois primeiros livros são, na minha opinião, muito fracos. Tão fracos que tive vontade de abandonar a série. À partir do terceiro, no entanto, a autora começa a delinear uma história realmente interessante, que prende o leitor e o faz desejar o próximo imediatamente. 

    Ivy continua metendo os pés pelas mãos e não escutando absolutamente ninguém, a mesma atitude que a colocou em sérios apuros nos livros anteriores. O amor que ela sente por Tristan é maior que qualquer coisa e a esperança que ela possui em vivenciar novamente esse amor a impulsiona a atitudes impensadas e *fofas*. 

    Minha relação com Ivy é de amor e ódio. Há momentos em que quero dar um beijo nela por suas 'sacadas' tão rápidas e sua capacidade de enxergas determinadas coisas. Há outros em que tenho vontade de bater com a cabeça oca dela na parede. Meu Deus! Como ela consegue ser inteligente e tapada ao mesmo tempo??? Só lendo para saber do que estou falando...

    Mais uma vez a editora fez um ótimo trabalho gráfico, mas pecou na diagramação! Fiquei um pouco confusa com algumas falas que pertenciam a um mesmo personagem e eram contíguas, porém, estavam separadas, como sendo de personagens diferentes. Precisei reler três vezes até entender o que estava acontecendo. Uma pena! Fora isso, sou só elogios!

    Recomendo!