• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Anuncie
  • Resenhas Novas

    O Livro Selvagem - Juan Villoro




    Os livros da Companhia das Letras são bem profundos, mesmo tendo o tema infanto-juvenil, o leitor encontra algumas passagens intensas e interessantes que às vezes atrapalham um pouco a fluidez do texto, mas eu leio livros dessa editora já sabendo a proposta.

    SINOPSE: Juan tem treze anos e já planejou as próximas férias: quer ficar em casa e passar os dias brincando e aproveitando o sol do verão. Mas sua família está passando por uma situação difícil. Os pais acabaram de se divorciar, e, tentando se adaptar à nova vida, sua mãe decide que precisa passar alguns dias sozinha. Juan, então, tem de ir para a casa do tio Tito, um sujeito um tanto excêntrico, que ama os livros mais que tudo e tem estantes espalhadas por todos os cantos da casa. Tito detesta telefone e tudo que possa atrapalhar suas leituras, e como companhia aceita apenas os três gatos e a cozinheira. No entanto, ele adora Juan, que considera um leitor especial. Tito acha que o menino descobre muito mais coisas naquilo que lê do que os outros. E tem um plano: vai pedir a ajuda do sobrinho para encontrar uma obra singular entre as milhares que tem em sua casa, chamada “O livro selvagem”, que nunca foi lida por ninguém e que guarda um segredo destinado àquele que a encontrar.

    Por isso, indico este livro para todas as idades, apesar de ser narrada por um pré- adolescente com uma cultura diferente da nossa, porque o autor é mexicando. A história é bem autoral e interessante, Juan, o personagem principal é um pouco infantil para sua idade, mas entra em uma aventura maravilhosa em busca do livro selvagem na casa de seu tio TITO.

    Questões importantes como a Separação de pais , traição e a ausência são tratadas no livro de uma forma leve, porém bem destacada pelo menino que utiliza metáforas para entender um pouco o que está se passando em casa. Juan é inteligente, corajoso, carinhoso e um ótimo filho. Sempre preocupado com a mãe faz questão de protegê-la no momento mais difícil de sua vida.

    Para todos os leitores do blog que amam livros assim como eu separei uns trechos imperdíveis! Vale à pena ler só para degustar metáforas e verdades tão lindas sobre os livros e as histórias. O sonho da leitura é muito destacado e dá vontade de viver em uma biblioteca assim como Tio Tito que tem uma mansão de livros as sua volta.
    Detalhe eu marquei o livro todo, mas vou tentar selecionar os melhores.

    “  - O que são cronópios? – perguntou Catalina- Um novo tipo de biscoito com formato de animal fantástico. Cronópiro vem de Cronos, deus do tempo. Os salgados trazem lembranças de outras épocas e têm gosto de lágrima. Já os doces provocam ilusões e têm gosto do açúcar dos tempos futuros.” PP.126

    Tio Tito vira cozinheiro em um determinado capítulo e começa a fazer comidas relacionadas com livros que ele sempre lê. Ele fez peixa à Moby Dick, Sopa de polvo ao estilo Capitão Nemo e claras em Neve de Almirante, mas os melhores foram os biscoitinhos que misturados ficam com sabor de presente!

    “Os livros são muito escorregadios. Você procura em uma estante e o encontra em outra, ou não encontra por anos e de repente ele aparece na frente do seu nariz” PP. 32

    Fala sério! Quem nunca têve um livro fujão? Eu nunca encontro os livros que quero no meu  quarto . Eles se escondem de mim.

    Para terminar o melhooooooooooooooor ensinamento de todos! Assino embaixo Tio Tito!

    “ Eu já disse que os livros são como espelhos: cada pessoa encontra neles aquilo que está em sua própria mente. O problema é que você só descobre que existe isso dentro de você quando lê o livro certo.” PP.75

    Super indico a leitura, principalmente para quem ama os livros. Ganhamos uma lição de leitura, de vida e de força de vontade de continuar lendo e vivendo em sonhos.