• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Contato
  • Resenhas Novas

    Belezas Perigosas - Libba Bray



    "Culpa, desejo e repressão são os elementos que regem a vida de Gemma Doyle. Sua mente, no entanto, se mostra mais poderosa e conduz a jovem pelo signo do sobrenatural. "

    Gemma Doyle acaba de fazer 16 anos e a coisa que mais deseja é sair de Bombaim - Índia e ir para Londres, vivenciar uma temporada e divertir-se nos maravilhosos bailes oferecidos pela alta sociedade. Sua mãe, no entanto, está irredutível na decisão de não enviar a filha para Londres, onde ela seria exposta como em um leilão de cavalos para encontrar um pretendente.

    Gemma tem o temperamento forte e é intempestiva, uma menina nada convencional para a época.  Ela luta pelo que deseja e não se poupa de entrar em conflito com sua mãe, discutindo e até mesmo fugindo. Nesse momento, ela tem sua primeira visão e acontece uma enorme tragédia, que muda a sua vida.

    Dois meses se passam e Gemma Doyle tem seu grande desejo realizado. Seu irmão a envia para a Academia Spence, um colégio preparatório conhecido pela reputação de formar damas encantadoras. A impessoalidade e frieza da diretora e de suas colegas a fazem sentir-se extremamente solitária. Sua companheira de quarto, Ann, é uma menina de poucas palavras e olhos tristes e vazios. As outras alunas são maldosas e cruéis em suas brincadeiras, deixando claro que a situação financeira é tudo que importa naquele lugar. Felicity lidera esse grupo, seguida pela lindíssima Pippa.

    Mesmo dentro de Spence, Miss Doyle sente que está sendo vigiada e suas visões insistem em acompanhá-la, tornando-se cada dia mais frequentes. Coisas estranhas e inusitadas acontecem e acabam aproximando Gemma de Pippa, Ann e Felicity. 
    O grupo está prestes a entrar em um mundo perigoso, cheio de poderes e grandes mistérios. 

    Belezas Perigosas (320 páginas) foi lançado pela editora Rocco e é o primeiro volume da Trilogia Gemma Doyle. Um magnífico YA histórico. Imaginaram o meu surto, né? Estou tão acostumada a YA's bobinhos, com a personagem principal fraca e sem personalidade, em que tudo gira em torno de um ser sobrenatural totalmente encantador e que rouba a cena. E os históricos? Sempre seguindo aquela linha adulto-hot que estamos acostumadas. 

    É então que Libba Bray mescla toda a beleza do período que mais amo com a graciosidade de meninas de 16 anos e o mistério do gênero sobrenatural. Resultado: um livro de tirar o fôlego, impossível de largar até que a última frase seja lida. Um livro que deixa aquela vontade de quero mais, AGORA. 

    Outro fator que contribuiu para que o livro ocupasse um lugar especial no meu ranking de queridinhos foi a maneira como o apelo sexual foi tratado pela autora. Totalmente diferente do que encontramos nos livros voltados para o público jovem, em Belezas Perigosas a autora deixa isso claro que a sexualidade das personagens existe e explora isso. Porém, de maneira sutil e porque não dizer, inocente. 

    "No sonho, eu estou correndo, meus pés afundando na lama fria. Quando paro, estou na entrada da barraca de Kartik. Ele está dormindo, com as cobertas afastadas, seu peito  nu exposto como uma escultura romana. Uma linha de pêlos escuros desce por seu estômago e desaparece por baixo do cós de sua calça, numa região que eu ainda não conheço. 
    [...] 
    É um sonho, apenas um sonho. É isso que digo a mim mesma quando acordo, ofegante, deitada na minha própria cama e com Ann roncando satisfeita a poucos metros de mim."

    Amei. Super recomendado.