• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Anuncie
  • Resenhas Novas

    Conselho de Amiga - Siobhan Vivian

    Se não dá para confiar em seus amigos, em quem confiar?




    Quando se é adolescentes as amigas são, muitas vezes, mais próximas do que nossa própria família. Com Ruby não era diferente. Depois que seu pai foi embora deixando-a sozinha com a mãe, Ruby contava apenas com a amizade e os conselhos de Beth. Por mais que Katherine e Maria também fizessem parte do grupo, Beth era a melhor amiga, aquela especial, que está sempre ao lado nos momentos mais difíceis.

    E um desses momentos acontece exatamente no dia do aniversário de 16 anos de Ruby, mais precisamente na hora de sua festinha improvisada na cozinha. Toda a alegria que ela sentiu ao ter ganho de presente uma maravilhosa máquina polaroid desaparece com aquela visita inesperada. Depois de anos sem dar nenhuma notícia, seu pai resolve aparecer trazendo como presente um buquê de flores, que ficou jogado no chão quando ela passou por ele pisando duro e sem se despedir.  

    Divórcios são traumáticos para alguns e Ruby viveu na pele toda a dor da separação dos pais. Pode-se dizer que ela nunca superou e tem surtos de depressão devido à isso. Sua mãe não é uma mulher de muitas palavras e nunca conversou a respeito, aumentando ainda mais a angústia e confusão da menina. Não lhe restava outro ombro, outro apoio a não ser sua melhor amiga.

    "(...) - Escute, sei que você  está com medo de alguma coisa que alguém possa descobrir de você, mas não pode deixar que o medo a domine. Isso faz parte de você." Página 153
    "Ruby,construa memórias maravilhosas.Com amor, sua mãe."Página 12

    Conselho de Amiga é o segundo livro de Siobhan Vivian que leio. Não sou este tipo de garota foi uma leitura que deixou um pouco a desejar e isso influenciou muito na minha vontade de decisão de ler esse lançamento da Novo Conceito ou ignorá-lo ad eternum. Por sorte resolvi dar uma olhadinha no primeiro capítulo e verificar a fluidez da narrativa. Digo por sorte porque fui pega de jeito pela história e não consegui mais largar o livro. 

    A autora se redimiu. A história é linda e retrata toda a beleza de uma amizade sincera, sem deixar de mostrar que mesmo amigos podem magoar-se de vez em quando, podem frustrar suas expectativas e até mesmo agir de uma maneira prejudicial a você. 

    Ruby é confusa e inocente, perdida nos problemas de sua adolescência. Beth, por sua vez, é forte e madura e muitas vezes acaba influenciando nas escolhas de sua melhor amiga. As Katherine e Maria podem não fazer parte do conflito central da trama, mas são fundamentais para mostrar a relação adolescente-amizade, com intrigas, ciúmes, briguinhas, aliviando os momentos de tensão e conferindo sutileza e veracidade à história. 

    O comportamento submisso de Ruby pode incomodar um pouco no início mas com o desenrolar da história é até compreensível e, por que não dizer, justificável. Mas o amadurecimento da personagem é algo que Siobhan explora e confesso que vibrei com as atitudes dela. 

    O livro retrata a realidade de um grupo de meninas de 16 anos e sua maneira de lidar com os problemas e/ou fugir deles, então não espere algo mirabolante. Dentro dessa proposta, Conselho de Amiga me surpreendeu e superou minhas expectativas. Recomendo.