• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Contato
  • Resenhas Novas

    O Melhor de Mim - Nicholas Sparks

    O Melhor de Mim
    Autor - Nicholas Sparks
    Editora Arqueiro, 272 páginas
    Ano de Lançamento: 2012



    Sinopse: Na primavera de 1984, os estudantes Amanda Collier e Dawson Cole se apaixonaram perdidamente. Embora vivessem em mundos muito diferentes, o amor que sentiam um pelo outro parecia forte o bastante para desafiar todas as convenções de Oriental, a pequena cidade em que moravam. Nascido em uma família de criminosos, o solitário Dawson acreditava que seu sentimento por Amanda lhe daria a força necessária para fugir do destino sombrio que parecia traçado para ele. Ela, uma garota bonita e de família tradicional, que sonhava entrar para uma universidade de renome, via no namorado um porto seguro para toda a sua paixão e seu espírito livre. Infelizmente, quando o verão do último ano de escola chegou ao fim, a realidade os separou de maneira cruel e implacável. Vinte e cinco anos depois, eles estão de volta a Oriental para o velório de Tuck Hostetler, o homem que um dia abrigou Dawson, acobertou o namoro do casal e acabou se tornando o melhor amigo dos dois. Seguindo as instruções de cartas deixadas por Tuck, o casal redescobrirá sentimentos sufocados há décadas. Após tanto tempo afastados, Amanda e Dawson irão perceber que não tiveram a vida que esperavam e que nunca conseguiram esquecer o primeiro amor. Um único fim de semana juntos e talvez seus destinos mudem para sempre.

    DECEPCIONANTE! Segundo livro que leio do Nicholas esse ano e me decepciono. Poxa vida, a gente espera tanto de um autor tão aclamado como este e ele não satisfaz nossas expectativas. A leitura é maçante e se arrasta durante todo livro, quando estamos perto do fim é que algo emocionante (que não me emocionou tanto) acontece! 

    O casal principal é o típico "a dama e o vagabundo", que luta por um amor (im)possível . Esse amor não suportará algumas barreiras, como a família de Amanda, por isso ocorre uma dolorosa separação. Mais de 20 anos se passam e ocorre um encontro entre os dois, só que ainda assim não será fácil lutar por esse amor.

    Bem, o livro é mais do mesmo. E o final é bem estilo Nicholas Sparks. Pronto! NADA mais. E é isso que está me irritando nos livros dele, tudo do mesmo e pronto! Não tem nada de criativo ou diferente na sua escrita. Acho que vou me restringir a "Querido John" como o melhor livro dele e parar de ler suas obras porque se vou encontrar sempre do mesmo que eu parta pra outras leituras que tenham algo de diferente à me oferecer, não é? Fora que Nicholas adora matar todo mundo né? Irritante... Todo livro alguém morre.

    Passei o livro inteiro desejando um final feliz, desejando algo de surpreendente e por que não algo desafiador para os personagens? Mas, infelizmente, não é isso que aconteceu. Amanda é uma boa mãe e uma boa esposa, mas não ama o marido como amou o Dawson e eu quis durante toda a leitura que ela fosse atrás de sua felicidade, que fosse realizar seus sonhos, e o que ela demonstrou? EGOÍSMO. MEDO. Não foi atrás da felicidade por medo... E Dawson foi um personagem incrível e só demonstrou carinho, compaixão durante todo o livro. 

    Enfim, não gostei, não achei uma leitura agradável e só recomendo para quem é realmente fã do Nicholas e seus dramas.