• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Anuncie
  • Resenhas Novas

    Rosamund e o Rei - Bertrice Small

    Autor: Bertrice Small
    Editora: ARX
    Ano de lançamento: 2002




    Será que eu ainda sei resenhar? 


    Depois de todos esses meses sem escrever aqui no blog, estou super insegura - confesso. Se não me engano, minha última resenha frequente foi em outubro, e recentemente, escrevi uma que foi postada pela Laís. Sem mais rodeios, me perdoem caso fique um pouco confusa... Prometo que as próximas serão melhores!

    Comprei Rosamund e o Rei por uma "bagatela" na Bienal de SP, ano passado. Claro que todas as minhas aquisições não me permitiram tirar logo o livro da estante para ler, e minha posterior falta de tempo (e ânimo), adiaram ainda mais esse feito. Esse fim de semana, porém, resolvi procurar um livro que me fizesse vencer esse bloqueio. Lá fui eu para a pilha empoeirada catar alguma coisa. Romance Histórico sempre foi meu gênero favorito e de cara estava Rosamund e o Rei. 

    Foi amor, juro! Bertrice Small tem aquela escrita deliciosa, que te transporta para dentro da história e faz você não querer que tudo aquilo termine. Faz você admirar aquela menina que, aos treze anos, já enviuvara duas vezes, perdera os pais muito cedo e caíra nas garras do tio malvado que deseja a todo custo tomar a propriedade da pobre criança. Faz você vibrar com o destino dos personagens, chorar e quase se descabelar querendo ler imediatamente o segundo porque "nossaaaaaaaaaaaaaaa, que gancho"!

    A autora mesclou a dose certa de fatos históricos - essa corte do Rei Henrique VIII é mesmo cheia de escândalos, hein - romantismo, amizade e *cof, cof* sedução. O livro é excelente e eu super recomendo para quem é fã do gênero. Não vejo a hora de pegar o segundo, Simplesmente Rosamund, e me perder nas fronteira entre Inglaterra e Escócia. 

    Vai que dou a sorte de um escocês bonitão me jogar em cima do cavalo e me trancafiar em um daqueles castelos perfeitos e cheios de junco pelo chão? *olhos brilhando*

    Beijos,

    Babi