• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Anuncie
  • Resenhas Novas

    Tudo em família: Lannister (contém spoiler de Guerra dos Tronos)


    Buenos dias senhores e senhoritas! Como van ustedes?

    Hoje, nesse lindo dia de verão (esta chovendo baldes na minha cidade) vamos começar uma maratona das famílias de uma série muito especial e viciante; Crônicas de Gelo e Fogo. E a primeiríssima, para polemizar um pouco é a querida (ou não) Lannister!

    A Casa Lannister de Rochedo Casterly é uma das Grande Casas dos Sete Reinos e a principal das Terras do Oeste (e mais rica também). Seu brasão é um leão dourado em campo carmesim e seu lema oficial é “Ouça-me rugir”, mas também possui um não oficial que também é muito conhecido; “Um Lannister sempre paga suas dívidas”.

    Os lannisters descendem de aventureiros Ândalos que se casaram com as filhas do Rei do Rochedo (que já havia conseguido Casterly por trapaça) e reinaram como Reis do Rochedo até a Guerra da Conquista (liderada por Aegon I Targaryen), quando se renderam e foram para as Terras do Oeste.

    Tywin
    Ele é o Senhor de Rochedo Casterly, o Escudo de Lannisporto e Protetor do Oeste. Ele é a cabeça da Casa Lannister (seu pai, Tytos,  gastou quase toda a fortuna da Casa e arranjou casamentos desastrosos jogando o nome da Casa na lama, mas depois de sua morte, Tywin conseguiu sozinho restaurar a honra da Casa), e por muito tempo a mão do Rei. Ele tem três filhos, os gêmeos Cersei e Jaime, a quem estima muito e o anão Tyrion, a quem despreza não apenas por ser deformado mas também por acreditar que ele matou sua esposa, Joana. Tywin nunca foi um homem carismático, mas depois da morte da esposa ele se tornou uma pessoa muito mais amarga.
     
    Cersei
    Ela é gêmea de Jamie Lannister e filha mais velha de Lorde Tywin (Jamie nasceu segundos depois dela segurando seu tornozelo). Sua mãe morreu dando a luz a Tyrion quando ela tinha 9 anos. Ela descobriu a sexualidade muito cedo com seu irmão Jaime e ao ser flagrada ‘brincando’ com ele por uma criada tiveram seus quartos mudados para estremos do castelo. Ela se casou com o Rei Robert Baratheon e estava muito feliz com isso até que ele a chamou de Lyanna, por quem estava apaixonado, na noite de núpcias. Depois disso ela passou a traí-lo com seu irmão Jaime, com quem teve seus três filhos; Joffrey, Myrcella e Tommem. Uma vez ela chegou a ficar grávida de Robert, mas abortou o filho. Ela é extremamente calculista e fria e faz de tudo para estar sempre no poder.

     
    Jaime
    Ele foi o primeiro filho homem de Lorde Tywin e irmão mais novo de Cersei, de quem sempre foi inseparável. Sua mãe morreu quando ele tinha 9 anos e apesar de todos odiarem Tyrion por isso, Jaime é o que mais mostra afeto pelo irmão. Um dia Cersei o alertou que seu pai queria casá-lo com Lysa Tully e o seduziu e convence-o a se juntar à Guarda Real para evitar o casamento. Ele se tornou o mais novo membro da Guarda Real da história, nomeado por Aerys II Targaryen e recebeu o apelido de 'Regicida' quando traiu o Rei e o matou durante a Rebelião de Robert. Mesmo depois do casamento de Cersei com Robert os dois continuaram com o incesto e ele é pai de seus três filhos.

    Tyrion
    Ele é o terceiro e mais novo filho de Tywin e Joanah e é por muitos considerado a causa de sua morte, já que ela faleceu durante seu parto. Ele é um anão e por isso é não muito carinhosamente apelidado de ‘Duende’ ou ‘Meio Homem’.Ele é odiado pelo Lorde Tywin não apenas por ter ‘matado’ Joana mas também por ser deformado e por isso ele tem dúvidas sobre se é realmente seu pai. Uma vez ele chega a dizer a John Snow que um anão é sempre considerado um bastardo, mas um bastardo não é um anão. Ele é extremamente mulherengo e é encontrado frequentemente em bordeis e bares, o que para Tywin suja o nome dos Lannister. Ele é muito educado, calculista e perspicaz, o que o tira de muitas situações complicadas e lhe dá uma imensa vantagem sobre os outros.

    Bom, é isso. Essa é uma parte da história extremamente confusa e comprida por trás dos Lannister. Espero que tenham gostado e que tenha servido como um incentivo para lerem a série ou continuarem.

    Espero vocês no Terapia do Livro

    Bia Albuquerque