• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Anuncie
  • Resenhas Novas

    Perdida - Carina Rissi - Verus





    Sinopse: Sofia vive em uma metrópole, e está habituada com a modernidade e as facilidades que isto lhe proporciona. Ela é independente e tem pavor a menção da palavra casamento. Os únicos romances em sua vida são os que os livros lhe proporcionam. Mas tudo isso muda depois que ela se vê em uma complicada condição. Após comprar um novo aparelho celular, algo misterioso acontece e Sofia descobre que está perdida no século XIX, sem ter ideia de como ou se voltará. Ela é acolhida pela família Clarke, enquanto tenta desesperadamente encontrar um meio de voltar pra casa. Com a ajuda do prestativo Ian, Sofia embarca numa procura as cegas e acaba encontrando algumas pistas que talvez possam levá-la de volta para casa. O que ela não sabia era que seu coração tinha outros planos...



    Perdida é um livro nacional, que eu não daria nada por ele, mas que por insistência dos bons comentários na internet, acabei lendo e me surpreendi com o quão bom o livro é.


    Logo que comecei a ler não consegui mais parar e me encantei com a história, que apesar de ser um conto de fadas, não tem nada de chato ou esperado. A mocinha não é frágil, nem dramática e muito menos sonha com o príncipe encantado no cavalo branco. Ela é uma mulher decidida, que sabe o que quer, e apesar de sua vida não ser o que planejou, ela supera todos os obstáculos que entram em seu caminho.

    A protagonista é Sofia, uma mulher moderna do século XXI, sem papas na língua e que só acredita que romances são reais em livros. Seu emprego não é nada satisfatório, e ela não tem a vida que sempre quis, porém vive bem e não abre mão de toda tecnologia e conforto que pode ter. E é num banheiro público que Sofia acaba perdendo seu bem mais precioso: o celular. Desesperada com esse acontecimento, Sofia vai logo em busca de um novo aparelho. Um que faça tudo que ela pode imaginar, desde simples ligações até entrar em redes sociais, e-mails, agendas, compromissos e por aí vai.

    Pensando somente nas qualidades do celular, Sofia nem desconfia que a vendedora possa estar lhe oferecendo um produto suspeito. Um produto que possa levá-la à uma viagem no tempo. E é exatamente isso que acontece. Sofia acaba perdida num tempo diferente do seu, sem saber como chegou lá ou o que fazer a partir de agora.

    Logo que chega nesse mundo desconhecido, ela conhece Ian, um homem tão charmoso, educado e cavalheiro que só podia ser de uma época diferente! Ian é o perfeito mocinho de livro. Ele é lindo, inteligente, de bom coração, tem boas maneiras, e até um pouco ingênuo, já que não vê problemas em hospedar em sua casa uma desconhecida com roupas e maneiras estranhas.

    É nesse cenário completamente inusitado que Carina nos apresenta um dos melhores (se não o melhor) romances que já li na minha vida. Ela descreve muito bem os cenários e personagens, e tem uma narrativa leve, envolvente e apaixonante. Não tem como ler e não se apaixonar por esse casal. O livro nos leva por uma maré de emoções, dá pra rir e pra chorar.
    É extremamente divertido, com as trapalhadas da Sofia que nos fazem morrer de rir, e é super fofo, com as atitudes e declarações do Ian.

    Carina consegue nos surpreender a cada página com sua narrativa descontraída e ao mesmo tempo viciante, que faz a gente embarcar nessa aventura romântica junto com Sofia. Eu não consegui parar de ler antes da última página, virei a noite lendo porque estava cada vez mais curiosa pra saber o final que Sofia iria ter, e é simplesmente maravilhoso!

    Posso dizer que amei o livro, e recomendo que todo mundo leia e se surpreenda também. Acho que esse é um exemplo da qualidade da literatura brasileira, e que mostra que podemos sim ter romances (ou qualquer gênero de livro) tão bons quantos os estrangeiros.
    Espero que tenham gostado,

    Beijos,
    Lari Gaigher