• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Anuncie
  • Resenhas Novas

    Bruxos e Bruxas - Witch & Wizard - Livro 01 - James Patterson - Editora Novo Conceito

    Sinopse:
    No meio da noite, os irmãos Allgood, Whit e Wisty, foram arrancados de sua casa, acusados de bruxaria e jogados em uma prisão. Milhares de outros jovens como eles também foram sequestrados, acusados e presos. Outros tantos estão desaparecidos. O destino destes jovens é desconhecido, mas assim é o mundo sob o regime da Nova Ordem, um governo opressor que acredita que todos os menores de dezoito anos são naturalmente suspeitos de conspiração. E o pior ainda está por vir, porque O Único Que É O Único não poupará esforços para acabar com a vida e a liberdade, com os livros e a música, com a arte e a magia, nem para extirpar tudo que tenha a ver com a vida de um adolescente normal. Caberá aos irmãos, Whit e Wisty, lutar contra esta terrível realidade que não está nada longe de nós.


    Pode conter spoilers!!

    Edição: 1
    Editora: Novo Conceito
    ISBN: 9788581632216
    Ano: 2013
    Páginas: 288
    Tradutor: Ana Paula Corradini
           
    Bruxos e Bruxas - Witch & Wizard é o primeiro volume da série Bruxos e Bruxas do autor James Patterson, publicado aqui no Brasil pela Editora Novo Conceito.

    Whitford e Wisteria Allgood são irmãos que levam uma vida tranquila ao lado de seus pais como adolescentes comuns que vivem brigando o tempo todo, mas que no fundo se amam.

    Tudo ia bem na vida de Whit e Wisty até que uma noite, são arrancados da cama no meio da noite por soldados da Nova Ordem e levados para uma prisão acusados de praticar bruxaria. 

    A Nova Ordem é novo governo que promete livrar o mundo da musica, dos livros e de toda cultura que faz parte da nossa realidade e substituir pelas novas regras impostas pelo Único Que È O Único que comanda esse novo governo.

    Wisty e Whit são levados para um antigo hospital psiquiátrico que foi transformado em prisão uma improvisada, onde estão várias outras crianças, sendo muitas delas bem pequenas. 

    Eles não acreditam que estão sendo acusados de bruxaria, mas quando coisas como: ser capaz de virar uma tocha humana, levitar objetos e invocar enxames de insetos nojentos começam a acontecer, principalmente quando Wisty fica irritada, eles começam a achar que isso realmente pode fazer algum sentido.

    Viver dentro do hospital não é nada fácil, até conseguir comida pode custar à própria vida e as únicas pessoas que aparecem pra uma visita são: uma enfermeira assustadora, um visitante encapuzado brandindo um chicote e Byron Swain, o traidor que ajudou a capturá-los.

    Depois de ficarem presos por um tempo, eles conseguem escapar com a ajuda de Célia, namorada de Whit que estava desaparecida e reaparece pra ajuda-los como um fantasma após ter sido assassinada pela N.O.

    Agora Whit e Wisty junto com um grupo de crianças, tem a missão de livrar o mundo das mãos da N.O e recuperar seus pais e sua liberdade de volta.

    Achei a história interessante, gosto muito de distopias que misturadas com um pouco de magia ficam ainda melhores, mas achei que o autor pecou muito em alguns pontos, principalmente em relação aos personagens. Eles não tiveram uma personalidade bem construída e suas atitudes e reações são muito artificiais. Alguns fatos e cenas que também me pareceram muito forçadas, também me desanimaram um pouco com a leitura. 

    A história é narrada em primeira pessoa por Whit e Wisty que não me agradou muito, pois a linguagem utilizada por eles me irritou um pouco.

    Adorei a capa que ficou muito bonita e a diagramação ficou muito boa, principalmente pelo tamanho perfeito da fonte que facilita bastante a leitura. 

    Eu sou muito curiosa e por isso, vou ler os outros dois pra saber o que vem por ai e depois compartilho aqui com vocês o que eu achei da continuação. Recomendo a vocês lerem também e quem sabe me fazer mudar de opinião? :)

    Espero que tenham gostado e até a próxima!!!

    Beijos!

    Camila Cunha

    0 Comentários :

    Postar um comentário