• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Contato
  • Resenhas Novas

    Eu te vejo - Irene Cao - Suma de Letras

    Sinopse: Apesar de apaixonada pela arte e pelas cores de Veneza, cidade onde vive, a jovem restauradora Elena Volpe tem seu coração como uma tela em branco, pois nunca viveu uma grande paixão. Com 29 anos, a protagonista de Eu te vejo tem a sua vida transformada com a chegada de Leonardo Ferrante, um famoso chef de cozinha e o mais novo inquilino do palácio onde trabalha na restauração de um afresco. O encontro com Leonardo abala suas certezas, abrindo as portas de um paraíso inexplorado. O chef sabe que o prazer é uma conquista para todos os sentidos – tem uma forma, um odor, um sabor – e guiará Elena até os limites mais doces e extremos do sexo, mas sob uma condição: nunca deverá se apaixonar por ele. A jovem aceita a proposta e deixa-se seduzir por este homem de passado misterioso, que parece fugir de seu desejo de prendê-lo a ela para sempre. Em Eu te vejo, Irene Cao revela uma trama de escrita suave, como o pincelar cuidadoso de uma restauração, e saborosa, como a gastronomia italiana. Tendo como cenário a exuberante cidade de Veneza, o primeiro volume da primeira trilogia erótica italiana traz todos os sentidos envolvidos na paixão entre Elena, uma mulher que não conhece o amor, e Leonardo, um homem que só conheceu o lado mais obscuro desse sentimento.


    Eu te vejo, é um livro erótico que nos promete um passeio pelo universo da sedução e do prazer. Com uma história muito intensa, Irene Cao nos trouxe um livro extremamente sensual, e com sua narrativa madura e adulta não nos causa choque, pelo contrário, torna o livro diferente de qualquer coisa que já lemos. 

    O livro se passa nas ruas da gloriosa Veneza, onde a restauradora Elena está prestes a começar seu mais importante trabalho: a restauração de uma importante pintura datada de meados 1700, a qual o tema é o rapto de Proserpina.  O quadro representa a cena onde Plutão agarra os quadris da deusa que está pegando uma romã às margens de um lago. Pode parecer que isso é irrelevante pra história, mais a frente, porém, percebemos a relação desse quadro com a própria Elena.

    De uma hora pra outra, o palácio em que Elena trabalhava passa a hospedar o famoso chef de cozinha Leonardo, um cara misterioso, sedutor, atraente, e que deixa Elena hipnotizada. O problema era que ela estava começando a se abrir para Filippo, seu amigo de longa data, um cara carinhoso, atensioso, companheiro e que tinha tudo pra ter um futuro junto com Elena.

    Porém o destino, e as pessoas mesmo, nunca facilitam. Felippo, após uma noite inesperada com Elena, tem que se mudar para Roma, esta por sua vez acaba se rendendo a Leonardo, que a leva para um mundo de paixões desenfreadas, erotismo e muita sensualidade. Ao mesmo tempo em que não promete nada a Elena, - até fidelidade está fora do jogo – exige entrega total do corpo dela, fazendo com esta tenha experiências inusitadas, das quais nunca sonhou fazer.

    O livro nos leva por uma viagem sensual inesquecível. O que mais me surpreendeu e agradou foi a narrativa da autora. Ela levou o livro de uma forma adulta e madura, sem aquela linguagem chula que encontramos em alguns livros e que tornam algumas cenas até chocantes.

    Os personagens são muito fortes e marcantes, principalmente Leonardo. O cenário, a gastronomia, a arte, tudo foi muito bem pesquisado e descrito no livro. E o mistério quanto a vida de Leonardo deixa o leitor um tanto curioso e ávido para saber mais detalhes.

    Não desgrudei do livro até o final, que devo dizer me deixou desnorteada. Preciso da continuação pra já! Pareceu-me um final meio abrupto e espero ansiosamente o próximo livro. Super recomendo a leitura para aqueles que gostam de um livro erótico, adulto, que fala sobre descoberta da sexualidade de uma mulher sem banalizá-la. 

    Beijos,