• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Anuncie
  • Resenhas Novas

    Olho por olho - Jenny Han e Siobhan Vivian - Novo Conceito


    Sinopse: Alguma vez você já quis realmente se vingar de alguém que a ofendeu? Talvez uma ex-amiga que a apunhalou pelas costas, ou um namorado traidor, ou um estúpido da escola que a humilhou desde que você era pequena… Alguma vez você já sonhou em envergonhá-lo na frente de todos? E, então, alguma vez você se uniu com outras duas pessoas para criar um elaborado esquema de destruição e revanche? A maior parte de nós não pode dizer que sim a todas essas perguntas (felizmente). Mas, certamente, todos nós somos capazes de nos identificar com muitos dos sentimentos de Kat, Lillia e Mary em Olho por Olho… No entanto, de um exercício de malícia, de uma simples brincadeira adolescente, o jogo do “aqui se faz, aqui se paga” poderá assumir proporções trágicas, em que até mesmo as leis da natureza vão se dispor, misteriosamente, a acalmar os corações ofendidos. Deixe-se levar por uma genuína história sobre o certo e o errado, o justo e o injustificável e procure entender — se possível — os verdadeiros motivos que transformaram estas três meninas. Dramático, honesto e fascinante, este é um livro que ultrapassa todas as expectativas!

    A história de Olho por Olho se passa numa pequena ilha meio isolada da civilização e turbulência das cidades grandes, onde os moradores são próximos o suficiente, e embora nem todos sejam tão chegados assim, todos algum dia já foram amigos ou pelo menos se conhecem e se esbarraram por aí.

    As protagonistas desse livro são Mary, Kat e Lilian e são totalmente diferentes uma da outra. Kat é a mais marrenta e brigona, Mary é a novata que acabou de voltar para a ilha, e Lilian é a delicada e popular. Mesmo sendo tão diferentes, quando temos um objetivo em comum somos capazes de nos juntar com quem nem imaginamos e relevar qualquer coisa a fim de termos nosso objetivo alcançado. E é isso que essas meninas fazem. Cansadas de tanta injustiça, de sofrerem sem ver o culpado pagar por seus pecados, elas resolveram fazer justiça com as próprias mãos e se juntaram em prol da vingança.

    Devo admitir que esse papo de vingança e dar o troco na mesma moeda foi o que me motivou a ler o livro, é uma trama muito instigante. Todo o suspense e drama é uma coisa que mexe comigo e me deixa super intrigada, e quando bem desenvolvido em um livro me prende do início ao fim. Tanto que fui com sede ao pote: assim que o livro chegou aqui em casa eu parei tudo que estava fazendo pra começar a ler. Eu precisava saber o que tinha levado essas três meninas a se juntar para tramar vingança, o que tinham tramado para elas que incitou essa vontade a ponto de juntar pessoas que não tem nada a ver uma com a outra.

    Eu esperava que fosse encontrar no livro muito suspense, mistério, drama, coisas diabólicas boladas especialmente para aqueles que causaram tanto transtorno à essas meninas. E meio que foi isso que aconteceu, mas não tanto como eu esperava. Acho que eu esqueci de que se tratava de um livro young adult, e não levei em consideração que a trama pudesse ser mais juvenil. Que as poderia haver os clichês de brigas de meninas populares. 

    Mesmo assim, o livro se é viciante, ficamos o tempo todo divididos entre pra qual lado torcer, e uma hora damos total razão a vingança e queremos que todo mundo se ferre, mas na outra compreendemos as outras pessoas e pensamos "a ela não tem culpa". A narrativa também é muito fluida e nos prende bastante, como é alternada entre o ponto de vista de Mary, Lilian e Kat ficamos sabendo de suas histórias pessoais e o que levou cada uma delas a tomar esse caminho da vingança.

    Achei que o livro poderia ter convencido mais. Ele é um tanto quanto juvenil, e o motivo que as protagonistas tiveram não foi lá essas coisas. Sim, é bastante compreensível, daria raiva se fosse comigo, mas é como eu disse muito juvenil. Mas acho que esse era o propósito do livro. As expectativas que eu tive que me fizeram me decepcionar, de certa maneira. Porém o livro é muito bom, qualquer um que goste de um intrigas e vingança vai aprovar esse livro.

    Beijos,
    Lari Gaigher