• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Contato
  • Resenhas Novas

    Serie Day: Castle


    Castle é uma série totalmente viciante, que descobri por acaso mas não consigo largar de jeito nenhum! A cada episódio é como se tivesse lendo um livro de suspense e ficasse tensa a cada minuto tentando descobrir quem é o assassino e no meio de toda a tensão e mistério ainda ficasse torcendo pro casal principal parar com as gracinhas e ficarem juntos de uma vez e além disso ainda dar boas risadas com a equipe policial e a família do protagonista! Ufa! É uma série eletrizante e todo episódio - sem exceção - nos deixa sem fôlego.



    Richard Castle é o personagem principal. Ele é um renomado escritor de romances policiais daqueles com muita investigação e assassinatos, e acontece que ele acabou de matar seu personagem principal. Só que aparentemente algum fã desesperado ficou insatisfeito com isso e decidiu recriar as cenas de assassinato dos livros, só que na vida real. É aí que entra a detetive Kate Beckett pra solucionar o caso. A química entre os dois é instantânea e desde o primeiro episódio ficamos torcendo por eles.


    A partir daí, os dois começam a solucionar casos de assassinato juntos na cidade de New York com a ajuda de dois detetives experientes - Javier Esposito e Kevin Ryan - e o capitão Roy Montgomery, juntamente com a legista Lanie Parish. Os cinco formam uma equipe e tanto! Paralelamente aos assassinatos e tudo mais temos os "casos de família" do Castle, com sua mãe Martha Rodgers - uma artista extravagante da Brodway, muito engraçada e louca (no bom sentido) diga-se de passagem - e sua filha Alexis.


    O seriado é muito bom pois além de todo mistério e investigação policial - que eu adoro - temos as cenas cômicas entre os personagens Castle e Beckett, as piadinhas mais que cômicas do Esposito e do Bryan - que idolatram o Castle - e a mãe de Castle que também é uma comédia. Além de, claro, um leve romance entre os protagonistas. 

    Amo a série, é uma das poucas que é muito viciante e não se perde com o passar das temporadas (pelo menos até ode eu vi). Quem gosta desse estilo com certeza vai adorar, é muito boa! Assistam, não vão se arrepender!

    Beijos,
    Lari Gaigher