• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Anuncie
  • Resenhas Novas

    Tudo em família: Stark


    Pode conter spoilers sobre a série!
    Sei que se vocês olharem minhas resenhas do blog vão perceber que a maioria se trata de romances, romances históricos ou new adults, mas por incrível que pareça eu também amo fantasia, histórias medievais e tudo mais. E como essa é uma das séries - tanto de TV como de livros - que mais amo do gênero decidi trazer pra vocês uma das famílias mais importantes dos livros, apesar de não ser a que eu mais gosto. Bem, vamos lá.




    Eddard ou simplesmente Ned, era o chefe da Casa Stark, Senhor de Winterfell e Protetor do Norte. Era amigo do Rei Robert, ajudou-o a conquistar o trono e posteriormente foi indicado como Mão. É um homem que quase todos consideram íntegro, bondoso, justo e de um caráter admirável. Embora muitos o achem frio e reservado, afinal não se sabe muito de seu passado, como por exemplo quem é a mãe de seu filho bastardo Jon Snow.











    Catelyn é a esposa de Ned e consequentemente a Senhora de Winterfell. É uma mulher extremamente orgulhosa e ferozmente protetora quando se trata da sua família. É uma grande líder e vem a se mostrar muito forte após a morte do marido. Eu particularmente me irrito muito com ela, acho ela muito injusta pelo tratamento que dispensa ao bastardo Jon. Apesar disso é uma mãe e mulher admirável.











    Robb é o primeiro dos filhos de Ned e Catelyn, o herdeiro de Winterfell e do Norte. Herdou do pai o senso de justiça e honra e após a prisão do pai junta seus vassalos e marcha rumo ao Tridente para libertar seu pai. É sempre acompanhado de seu fiel lobo Vento Cinzento que é uma fera temível durante as batalhas.










    Sansa é a filha mais velha do casal. Confesso que tenho uma opinião meio contraditória sobre ela. Não posso deixar de admirar sua força, afinal ela luta com as armas que tem: a feminilidade, a graça, a polidez. Ela usa tudo isso para se manter segura. Mas ao mesmo tempo não posso deixar de achá-la extremamente irritante, egocêntrica e egoísta. O modo como ela trata a irmã é odioso pra mim e eu simplesmente não consigo gostar dela. Mas a considero como o epítome das personagens femininas. Ela é bem mulherzinha mesmo, do tipo que sonhava com histórias de romances, princesas e cavalheiros até ter sua inocência destruída pela realidade. Sua loba era a Lafy, a qual mataram.







    Arya é a terceira dos filhos de Ned. É completamente diferente da irmã. Enquanto uma é a feminilidade em pessoa, a outra é daqueles personagens femininos que querem se igualar aos masculinos. Ela sempre quis lutar, ser uma guerreira. E ao longo de seu percurso se mostra muito inteligente, forte, astuta, e habilidosa com as espadas. Sua loba é a Nymeria, com a qual tem uma ligação muito forte.











    Bran é o segundo filho de Ned. É muito aventureiro e gosta de explorar através de escaladas pelas paredes de Winterfell. Ele é considerado por todos muito bondoso, gentil e atencioso. Queria sempre participar das coisas que os mais velhos faziam, se considerava um homem e gostava de aventuras e emoções. Após seu acidente se torna muita mais sério e "na dele", e diria até um pouco amargurado no início. Tem uma relação muito estreita com seu lobo Verão.









    Rickon é o filho mais novo dos Stark. é naturalmente agressivo e difícil de lidar, porém muito destemido. Tem um gênio muito forte e como seus irmãos, é muito parecido com seu lobo Cão Felpudo.
















    E finalmente o bastardo Jon Snow. Sua mãe é desconhecida, e foi seu pai quem o criou ao lado dos meios-irmãos apesar de não ser tão bem recebido por alguns. Ao atingir a idade adulta se juntou a Patrulha da Noite e é sempre acompanhado de seu lobo Fantasma.










    Ufa! Essa é a família Stark! Gosto particularmente da relação deles com seus lobos, pois eles se parecem muito na personalidade e tem uma ligação muito forte entre eles. E cada um tem sua particularidades, suas qualidades e defeitos, é uma das coisas que mais gosto nos personagens de George Martin, todos são humanos, influenciáveis, com falhas. Enfim, espero que tenham gostado!

    Beijos,
    Lari Gaigher