• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Anuncie
  • Resenhas Novas

    Quotes Cativantes: Entre Dois Amores



    Olá, galera!

    Hoje eu vim mostrar para vocês o meu novo romance juvenil e escolhi um quote muito especial. Para mim é um dos mais engraçados e românticos da história.

    Sinopse: Helô Martinez está no 2º ano do ensino médio e ama duas coisas: garotos e moda. Definitivamente, ela não ama a língua portuguesa e não tem a menor vocação para ser leitora – de nada, nem de horóscopo –, e sempre que precisa fazer algum trabalho sobre literatura para a escola ela conta com a cumplicidade de Amanda, sua amiga nerd devoradora de livros. Mas sua mãe não aguenta mais seus boletins pintados de vermelho e resolve fazer uma intervenção. Contrata um professor particular para ajudar a filha a tirar notas boas em português e literatura. Para desespero de Helô, seu novo mestre é o vizinho “melequento” – como ela diz –, que está no primeiro ano da faculdade de Direito e a rejeitou num passado não muito distante. Apesar da tragédia anunciada, César Rodolfo, um garoto tímido, estudioso, de palavreado pomposo e arcaico e lindos olhos verdes, acaba conseguindo o impossível: transformar Heloísa numa leitora voraz, capaz de declamar Carlos Drummond de Andrade e citar Emily Brontë.

    Quote: 
    “Eu não posso viver sem minha vida. Não posso viver sem minha alma.” Agora eu sei o que Heathcliff sentiu quando Catherine se casou com outro. Perder o amor de sua vida é espetar o dedo do pé em um prego enferrujado e apertar bem forte até atravessar a unha. É uma dor lancinante. 

    Como eu amo o livro O morro dos ventos uivantes, resolvi homenagear esse clássico da literatura no Entre dois amores. A Heloísa tem 17 anos e odeia ler, mas depois de um tempo tendo aulas de recuperação com o seu vizinho inteligente, ela acaba se apaixonando pelos livros e se encantando com o amor de Cathy e Heathcliff. Em um momento tenso entre Helô e o vizinho, ela fala para ele esse trecho do livro e depois fecha a porta e derrama uma cachoeira de lágrimas! Aiiii é tão fofinho, gente! Eu sei que sou suspeita para falar porque fui eu quem escrevi, mas eu amei esta história e se eu pudesse escolher Entre dois amores seria o livro que mais gostei de escrever. Mas, como eu tenho outros quatro filhos, eu não posso ter preferencia por um. Huahauhau Mentira, eu posso sim! Entre dois amores está lindo e será lançado oficialmente na Bienal! Eu estarei lá todos os dias recebendo os leitores e participarei de um bate- papo dia 12/09 às 11 no estande da Editora Planeta.

    Quem quiser ver o booktrailer do livro é só clicar AQUI

    Para mais informações: www.carolestrella.com 


    Beijinhos,