• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Contato
  • Resenhas Novas

    Série Day - Under The Dome


    Olá, pessoal! Como estão?

    Faz um bom tempo que não vinha acompanhando séries. Por falta de tempo, de interesse e porque estava meio que de "ressaca" desde o fim de Lost e House. Muito tempo, né? Eu sei. Mas então eu resolvi me atualizar e escolhi Under The Dome, não por acaso, mas por ser baseada num livro do aclamadíssimo Stephen King (que, inclusive, pretendo ler este mês).


    O PLOT:

    Chester's Mill, uma pequena cidade do estado de Maine, EUA, é isolada de maneira repentina e inexplicável por uma parede invisível, chamada posteriormente de Domo. Ninguém sabe como e nem de onde ele veio, mas possui um campo de força magnético que impede a entrada e a saída de pessoas da cidadela. Em meio ao caos das pessoas assustadas e o medo do isolamento por tempo indeterminado, está Júlia Shumway, uma jornalista residente da cidade e Dale Bárbara (Barbie), ex-veterano do exército americano, que vão se unir para tentar desvendar o mistério do Domo. Em contrapartida, temos Big Jinn Rennie, um político local que tenta, a todo custo, tomar as rédeas do lugar. Mesmo com objetivos iguais, Big Jinn não facilita a vida de Júlia e Dale e, diante de vários desafios, o tempo é o maior inimigo deles. Será que o Domo pode ser destruído?

    Sou apaixonada pela série e sou suspeita em dizer que ela é excelente. Hahahah! Assisti a primeira temporada num piscar de olhos. Mesmo que a estreia da terceira temporada não tenha sido simultânea com os EUA, consegui pegar os episódios on line e já estou em dia com a série. A segunda temporada foi a mais reveladora de todas e acabou de modo que me deixou MUITO ansiosa. Felizmente, o tempo que levei para concluí-la foi suficiente para o início da terceira. Uhuuuu!

    Apesar do foco ser o Domo e as pessoas estarem se concentrando em como sair de dentro dele, há muita história para contar. As personagens possuem bagagens enormes e muitas delas possuem um passado conturbado, o que dá a série um pouco de drama. É fato que o que acontece na cidade é sobrenatural, mas ainda não é possível saber do que se trata nessa primeira temporada.

    A trama é espetacular, embora já tenha lido comentários de que nada tem a ver com a obra de King. Ou seja, os diretores/roteiristas pegaram só a essência mesmo (mas isso com o aval do autor, ok? Ele foi bem receptivo com as alterações). Então já vou inicar a leitura ciente de que há muitas diferenças. Menos mal, né? Não vou me estender muito no post para não revelar alguma coisa acidentalmente (porque me empolgo), mas RECOMENDO DEMAIS a série.

    Segue um Preview (em inglês):


    Beijão,