• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Anuncie
  • Resenhas Novas

    Londrina Matsuri 2015

    Olá pessoal, tudo bem?

    Como vocês já devem ter percebido, eu sou uma grande fã da cultura oriental. Procuro sempre que posso, resenhar um livro ou falar sobre um filme que retrata essa cultura tão rica e misteriosa que tanto me fascina.

    Na coluna de hoje vou contar pra vocês um pouquinho sobre o Londrina Matsuri, um festival de cultura japonesa que visitei no mês de setembro na cidade de Londrina - PR.
    Londrina é localizada no norte do Paraná. Além de ser uma linda cidade, cheia de opções culturais e onde a cor predominante em toda parte é o verde, também, é a segunda maior comunidade japonesa do Brasil onde vivem mais de 30 mil imigrantes e seus descendentes. Dessa maneira a cultura oriental está presente em toda a cidade que possui inúmeros restaurantes de comidas típicas, praças e festivais diversos.

    O maior dos festivais e que está na sua 13º edição, é o Londrina Matsuri. Comemorando a chegada da primavera e reunindo várias atrações que nos permitem conhecer de perto um pouco mais sobre essa cultura milenar que atravessa o tempo e vem do outro lado do mundo.

    Entre os produtos oferecidos na feira, os meus preferidos foram as camisetas e canecas com personagens de animes e vídeo games que se espalhavam para todo o lado.

    Também foram oferecidas oficinas de origami em tecidos e Oshibana Art que nada mais é que arte feita com flores, folhas e frutas desidratadas e que o resultado final fica maravilhoso.
    Tive o prazer de conhecer o engenheiro de pipas Ken Yamazato que está em busca do record mundial com a maior pipa em área do mundo.

    Pude conversar um pouco com ele e conhecer algumas de suas pipas famosas. Disse que minha pipa favorita era a do dragão e perguntei se ele não tinha trazido uma com ele. Ele foi muito simpático e me mostrou a pipa todo orgulhoso e disse que não deu pra montá-la na exposição porque o espaço era pequeno e necessitaria de 16 a 20 pessoas para coloca-la no ar.
    Outra atração que ficou entre as minhas preferidas, foram as apresentações de Yosakoi Soran, uma dança típica do Japão e o Taiko, que é uma apresentação utilizando vários tipos de tambores japoneses.

    Foram apresentações muito bonitas. É lindo a combinação de som e movimento e a sincronia do grupo é tão perfeita que fiquei hipnotizada.
    Quem também esteve marcando presença no festival foram os mestres na arte do ilusionismo: Edson Iwassaki, Kevin Iwassaki e Kesley Iwassaki.

    A apresentação foi muito divertida e emocionante, principalmente pra min que nunca tinha assistido uma apresentação de um mágico profissional da plateia.
    E pra fechar com chave de ouro a minha visita a Londrina, não podia deixar experimentar algumas delicias da cozinha oriental. Experimentei vários pratos diferentes como o Tempurá de Sorvete que é uma massinha frita deliciosa com um sorvete que é de dar água na boca e também o Okonomiyaki de Hiroshima que parece uma panqueca com recheio de repolho e macarrão frito que também gostei muito.

    Também aproveitei pra experimentar a famosa Yakisoba que não deixou nada a desejar e na verdade foi a melhor que já comi. Também provei alguns doces como o Mandyu que é uma massa de trigo recheada com doce de feijão e o Moti, meu favorito, que é uma massinha feita de arroz moti recheada também com doce de feijão que é tudo de bom.
    Vi muita coisa interessante no festival. Conversei com várias pessoas, aprendi muita coisas interessantes, mas o que mais gostei foi que durante a visita ao estande de uma loja que vendia lindos Kimonos(Flor de fogos Kimonos), a proprietária permitiu que alguns dos cliente que ali estavam vestisse uma peça para tirar fotos e é claro que eu não podia perder essa oportunidade não é? :)
    Espero que tenham gostado e até a próxima!!

    Beijos