• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Contato
  • Resenhas Novas

    Aleatoriedades | O wattpad


    Hey gente! Como vocês estão?

    O Aleatoriedades de hoje será ligeiramente diferente.. já fiz dois posts parecidos a esse meses atrás e vocês pareceram gostar tanto que vou repetir a dose. Nas duas primeiras edições do "Dicas de leitura do wattpad" eu indiquei histórias que eu acompanho na plataforma e que são muito boas. Hoje eu vou dar outras indicações, porém antes quero falar um pouco sobre a plataforma em si e o caminho de oportunidades que ela abre pra aspirantes a escritores. 

    O wattpad é uma das mais conhecidas - e na minha opinião a melhor - plataforma de publicação online. Mas o que é isso? Eu explico. O wattpad, assim como outros vários sites, são plataformas que permitem a nós - pessoas comuns - escrevermos nossa histórias e postarmos publicamente para quem quiser ler, de maneira que essas pessoas possam votar, avaliar e comentar sobre ela. 

    Mas no que isso me ajuda? Simples, novos escritores (ao menos no Brasil) encontram muita dificuldade no mercado editorial. É difícil conseguir uma editora para publicar algum livro nacional, pelo menos não uma editora realmente de qualidade. Acredito que o cenário está mudando para os novos autores, mas ainda é complicado publicar um livro e conseguir viver dele, conseguir ser reconhecido pelo seu trabalho, e é nisso que essas plataformas online ajudam.

     A meu ver, quando se publica por lá você tem a chance de conquistar seu público, de criar um grupo de fãs que vai te apoiar na sua trajetória. Tem a chance de ouvir o que o público espera de você e atender as expectativas deles quanto à suas histórias. Além de que é uma ótima maneira de treinar. Afinal, o intuito de escrever é escrever pra alguém ler, e para isso é sempre necessário saber ouvir as críticas dos leitores e ver o que você precisa aprimorar ou não. Esse é um outro ponto que as plataformas online ajudam. Elas te mantêm perto dos leitores, o que te permite sempre crescer e ouvir tanto as críticas quanto os elogios, te preparando para concorrer no mercado editorial.

     Muitos autores que conheço - A Camila Moreira (que publica na Suma de Letras), ou a Nana Pauvolih (da Rocco) por exemplo - começaram lá, publicando no wattpad e hoje são autoras reconhecidas no Brasil inteiro. Inclusive, essas plataformas estão se tornando tão famosas que muitas editoras já ficam de olho nelas, observando para ver se vai aparecer alguma histórias promissora. A autora de After, caso vocês não saibam vou descoberta assim: com uma história no wattpad.

    Acredito que essas plataformas são de grande ajuda pra quem está começando agora e não tem experiência - ou mesmo pra quem tem. Nos permite vencer a insegurança e aprimorar nossas habilidades de escrita. Nos permite uma aproximação com o público que outros canais não nos possibilitam. Esses sites são os tipos de sites que abrem muitas oportunidades pra quem quer escrever, possibilidades até de publicar por alguma editora grande. Então, sempre que conheço alguma pessoa que tem o desejo/intenção de publicar um livro eu dou esse conselho: publique no wattpad, ou no widbook, ou em qualquer site que você se sinta mais a vontade publicando (existem dezenas deles por aí, mas os que eu mais gosto são esses dois), mas se dê uma chance, faça uma tentativa e vê como o público reage a sua história. Você pode ter um talento enorme aí escondido só esperando pra ser descoberto.

    Agora, pra quem tem mais interessem em ler do que em publicar, vou dar uma indicação de três histórias que acompanho o wattpad e que são muito boas! Só pra deixar de sobreaviso as três são romances adultos, então não vai agradar a todos, mas garanto que são muito boas! 



    Que a Nana é uma diva todos já sabem (não é a toa que ela conseguiu um contrato com a Rocco), mas ela me surpreendeu com esse romance. De volta ao prazer é um romance erótico atual, que trata da mulher em busca por sua felicidade, da mulher que não tem medo de explorar seus desejos e fazer o que bem lhe der vontade. Eu diria até que tem um quê de feminismo (algo que pretendo abordar em um post qualquer dia desses), nos apresentando uma mulher forte, que muda drasticamente sua vida porque quer ser livre, fazer o que lhe dá vontade, escolher o que quer pra própria vida. E no meio do caminho ela conhece pessoas - homens - que marcam a sua vida e a ensinam de alguma maneira. Pra mim a coisa mais marcante do livro é essa representação da mulher livre e em busca da sua felicidade. E é uma trajetória maravilhosa de acompanhar, aproveitem enquanto ainda está disponível pra ler na plataforma!



    Esse é um romance mais clichê. Trata de um Rei, o rei Dominic, que é um homem frio, controlado e nem um pouco a fim de relacionamentos amorosos. Até que seus conselheiros lhe dizem que ele e seu país precisam de uma rainha forte, a rainha ideal para governar ao lado dele. E assim ele conhece Kiara. O "romance" (se é que podemos chamar disso) dos dois começa de forma meio duvidosa, já que Kiara perdeu a memória e não se lembra de estar prestes a casar com Dominic. Porém, ao longo do livro vamos vendo como os dois se envolvem e vão revelando mais de si mesmos um pro outro. Começamos a ver por baixo da máscara de Dominic, ver como ele se revela mais do que esse homem frio e sem emoções que aparenta ser. O livro já está completo no wattpad e sua continuação, A redenção do Rei, já está sendo publicada também.



    Desde que conheci o trabalho de Janice Diniz que não consigo deixar de acompanhá-la. E pra meu prazer ela juntou as duas coisas que mais gosto de ver em romances: cowboys e vampiros. A história não é muito original também, mas a escrita da autora é tão boa que nem me importo muito com isso. O enredo trata de Ana, uma forasteira sozinha na vida - que já passou por seus maus bocados - que chega a Santeria para pegar uma suposta herança que tem. Acontece que essa é uma cidade minúscula que detesta forasteiros e os trata com o pior do desprezo. Lá ela conhece Dominic, um vampiro com sede de vingança por aqueles que o apedrejaram e assassinaram em Santeria. A autora desenvolve esse romance dos dois com maestria, e a narrativa dela é uma delícia! Ela tem um jeito com as palavras que faz praticamente passar um filme na sua mente de tão bem que ela descreve/ambienta as cenas. Vale a pena a leitura, mas corram que logo logo será retirado da plataforma!

    Isso é tudo que eu tenho a dizer pra esse post - bastante coisa né? hahaha - e espero que vocês tenham gostado! Se algum de vocês aí é aspirante a escritor, não se acanhem e nem deixem pra depois! Está sempre em tempo de começar!

    Beijos,