• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Anuncie
  • Resenhas Novas

    The Ambassador’s Mission - Trudi Canavan

    Sempre fico com e pê atras quando o assunto é continuação de séries, principalmente quando se trata de alguma que eu goste muito, como é o caso do livro da resenha de hoje.

    The Ambassador’s Mission("A missão do Embaixador" em tradução livre), é o primeiro volume da série ‘The Traitor Spy Trilogy’(Trilogia do Traidor Espião") da escritora Trudi Canavan, ainda sem data prevista para publicação aqui no Brasil. A série se passa 20 anos após os acontecimentos da "Trilogia do Mago Negro".

    Nessa nova série, a autora nos mostra o que aconteceu com alguns dos personagens após o confronto ocorrido no ultimo livro da trilogia anterior e como Kyralia se recuperou no decorrer desses 20 anos. 

    Sonea agora é uma maga negra e tenta seguir sua vida cuidando de seu hospital na cidade e também de seu filho Lorkin, que na minha opinião não parece em nada ser o filho dela e de Akkarin <3.

    Algum dos meus personagens favoritos estão de volta nessa série. Lord Rothen continua cuidando de Sonea e Cery agora é um ladrão respeitado. Dannyl vive em uma casa na cidade com seu companheiro Tayend, mas o relacionamento entre os dois anda um pouco estremecido e por isso ele decide aceitar o cargo de novo embaixador em Sachaka.

    Lorkin não sabe bem o que fazer de sua vida e assim que descobre que Danyl irá pra Sachaka, decide que acompanha-lo como assistente pode ser uma boa forma de descobrir.

    Sonea não aprova em nada a ideia, mas sem ter muito o que fazer a respeito, empenha-se em tentar ajudar Cery a caçar um mago que pode estar envolvido em uma série de assassinatos na cidade.

    As histórias envolvendo Sonea e Cery na caça do mago ladino e as de Lorkin e Dannyl em Sachaka, acontecem simultaneamente. A linguagem do livro é simples é fácil de entender. Uma boa parte dos diálogos se refere a politica das duas regiões e talvez nesses trechos o leitor ache a leitura um pouquinho monótona.

    Eu gostei muito desse primeiro livro, mas como eu imaginava, o livro está longe de ser tão bom quanto os anteriores. Não achei que pude conhecer Lorkin com o que a autora descreve no livro. Ele é muito impulsivo e vago em relação aos motivos que levam ele a tomar determinadas atitudes. 

    Sonea, Cery e Dannyl perderam um pouco da "luz" que tinham, mas acho que depois de tudo que viveram essa mudança na personalidade deles deveria ser esperada. Mas apesar dessa pequena mudança, continuam sendo personagens fantásticos.

    Espero que tenham gostado da resenha!!

    Até a próxima!!

    Classificação: 




    Beijos!!