Hey gente! Tudo bem?
Hoje é dia de Quotes Cativantes: Abra e Descubra! Nesses últimos meses eu andei comprando muitos livros (culpada!) e ainda não consegui ler metade deles, hahahaha. Por isso, hoje trouxe um desses livos pra cá - um que já estava querendo há um tempo -, a fim de me entusiasmar com a leitura e passá-lo na frente de toda a minha longa lista. Mas antes, pra quem não conhece a coluna, vai uma breve explicação:

Como funciona a brincadeira: Escolha um livro que você tem e nunca leu, mas tem vontade de ler e abra em qualquer página. Leia tudo e selecione o quote mais interessante da página. Só tenha cuidado para não abrir em uma página no final e descobrir como a história termina. A intenção é incentivar você a pegar o livro esquecido e deixar com que o quote te conquiste para que você passe o livro na frente de outros na sua fila de espera.

O livro escolhido é o Duff, que desde que assisti ao filme fiquei morrendo de vontade de ler. Sei que a história é bem diferente, mas já ouvi tantos comentários positivos que não tem como ser ruim, ainda mais depois desses quotes, hahaha. 

Foto apenas para ilustrar o quanto eu PRECISO de um marcador desses!
Wesley Rush era o playboy mulherengo mais repugnante a escurecer a soleira do instituto Hamilton... mas ele era meio que gato. Talvez se você pudesse colocá-lo no mudo... e cortar as mãos dele... talvez, só talvez, ele seria tolerável então. Do contrário, era um verdadeiro pedaço de merda. Merda de cachorro que só queria sexo.
As pessoas que te rotulam estão apenas tentando sentirem melhores em relação a elas mesmas. Elas erraram antes também. Você não é o único.
Chamar a Vikki de vadia ou vagabunda é como chamar alguém de Duff. Insultante, machuca, e era um daqueles rótulos que apenas alimentam um medo interno que toda garota tem, de tempos em tempos. Vadia, piranha, puritana, provocadora. Eles são todos iguais. Toda garota se sente como um desses rótulos sexistas a descrevem em algum momento. Então, talvez, toda garota se sentia com uma Duff também?
E então, o que acharam? O livro me parece uma boa mistura de bom humor e texto reflexivo. Do jeitinho que eu gosto! Estou pensando seriamente em fazer de Duff, minha próxima leitura! Me contem aí nos comentários se gostaram dos quotes, se já leram ou pretendem ler o livro! 

Beijos,