• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Contato
  • Resenhas Novas

    Fração de segundo

    Por causa de sua habilidade paranormal, Addie é capaz de Investigar seu futuro sempre que se depara com uma escolha, mas isso não torna sua realidade mais fácil. Depois de ser usada pelo namorado e traída por Laila, sua melhor amiga, ela não hesita em passar as férias com o pai no mundo  Normal. Lá ela conhece Trevor, um garoto incrivelmente familiar. Enquanto isso, laila guarda um grande segredo: ela pode Restaurar as memórias de Addie – só falta aprender como. Muita gente poderosa não quer que isso aconteça, e a única pessoa que pode ajudar Laila é Connor, um bad boy que não parece muito disposto a colaborar. Como ela vai ajudar a amiga a alcançar o futuro feliz que merece?

    Desde que seus pais se divorciaram, a vida de Addison Coleman no Complexo Paranormal virou de cabeça para baixo. Depois de Investigar seu destino, ela optou por ficar com sua mãe no Complexo, enquanto seu pai foi viver no mundo Normal, em Dallas, no Texas. Mas Addie não consegue acreditar que esta é a melhor opção de futuro que poderia ter. Depois de viver um momento tenebroso, ela descobriu que estava sendo manipulada.

    Passar as festas de fim de ano no mundo Normal com o pai e fugir de toda essa confusão parecia ser a solução ideal... Até Addie se dar conta de que sua habilidade deve estar com algum problema. Agora ela também consegue desacelerar e parar o tempo, mas ainda não domina o novo poder direito. E é em um momento de descontrole que ela encontra Trevor, um garoto lindo da escola Normal da região. Ele está desconfiado de que a garota esconde algum segredo, e não parece muito encantado com ela.

    No Complexo, Laila tenta encontrar uma forma de se redimir de seus erros. Graças a uma carta deixada por Addie antes de ela ter sua Investigação Apagada, Laila descobre que pode Restaurar as lembranças da amiga. Desesperada, ela tenta manipular Connor, um garoto antissocial da escola. Ele é o único que pode ajuda-la, mas parece imune ao seu charme. Enquanto Laila tenta encontrar um jeito de reaver as memórias Apagadas, Addie precisa mudar seu mundo numa fração de segundo, antes que perca o amor que quase esqueceu.


    Que livro é esse? Se você não leu minha resenha de Encruzilhada, dá uma passadinha aqui e confere. Como disse nela, Kasie acabou me decepcionando no primeiro livro. No entanto, ela se redimiu magistralmente e me deixou mais que satisfeita com Fração de Segundo. Finalmente os poderes paranormais das personagens foram explorados com intensidade, as personalidades saíram do âmbito superficial e conhecer mais profundamente cada um deu consistência à história, despertando finalmente meus sentimentos durante a leitura.

    Esse segundo volume da trilogia está cheio de reviravoltas e me deixou pasma em diversos momentos. Sabe quando o autor te passa a perna e você fica COMO ASSIM, PRODUÇÃO? Exatamente. Addie se transformou de um livro para outro, deixando de ser aquela mocinha bobinha e passiva, o que deu um ritmo muito mais fluido no desenvolvimento na trama. Outra grande sacada da autora foi alternar os POVs, narrando acontecimentos dentro e fora do Complexo. Os capítulos narrados por Laila possuem seu próprio enredo, como se fosse um subplot.

    Trevor e Connor foram uma atração à parte e Connor é minha personagem favorita neste livro. O garoto é cheio de peculiaridades e o mais imprevisível de todos, razão pela qual me ganhou, pois gosto de ter que decifrar o personagem, sem ter aquela sensação de que você sabe o próximo passo que ele vai dar, que atitudes vai tomar. Sabe? Essa atmosfera misteriosa que ele carrega é bastante sedutora e fez com que ele se destacasse. Gosto da sua forma de analisar, de lidar com as situações. E Trevor... Trevor é um amor! Apaixonante e que me já tinha me conquistado no primeiro livro.

    Ainda temos muito romance entremeado às cenas de ação, cheias de adrenalina e descobertas, mas mesmo não sendo exatamente o foco, foi essencial para acrescentar mais drama. E, claro, nos proporcionar aqueles momentos de “oooooowwwwnnn”. Porque ninguém é de ferro, né? Hahaha! Fiquei realmente surpresa por essa continuação ser incrível, pois confesso que estava esperando um livro bem morno, dada minha desilusão com o anterior. Estou MEGA ansiosa para ler o desfecho. Mesmo achando Encruzilhada fraco, Fração de Segundo está espetacular e, por isso, recomendo a leitura seguida. Ou seja, já leia o primeiro tendo o segundo em mãos. Hehehe!
    - Acho que te amo! – eu disse, com a boca encostada na dele.
    - Acho que posso me acostumar com isso – ele respondeu.
      

    Classificação




    Beijos,