• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Contato
  • Resenhas Novas

    #GIRLBOSS - Sophia Amoruso, dona do meu coração.


    “Sophia Amoruso passou a adolescência viajando de carona, furtando em lojas e revirando caçambas de lixo. Aos 22 anos ela havia se conformado em ter um emprego, mas ainda estava sem grana, sem rumo e fazendo um trabalho medíocre que assumiu por causa do seguro-saúde. Foi aí que Sophia decidiu começar a vender roupas de brechó no eBay.
    Oito anos depois, ela é a fundadora, CEO e diretora criativa da Nasty Gal, uma loja virtual de mais de 100 milhões de dólares, com mais de 350 funcionários. Além da história de Sophia, o livro cobre vários outros assuntos e prova que ser bem-sucedido não tem nada a ver com a sua popularidade; o sucesso tem mais a ver com confiar nos seus instintos e seguir a sua intuição. Uma história inspiradora para qualquer pessoa em busca do seu próprio caminho para o sucesso.” – skoob

      O tanto que eu já tinha visto de blogueiras falando de #GIRLBOSS me deixou quase desconfiada. Fiquei com a impressão de que era um livro modinha, que só servia pra tirar fotos bonitinhas e postar nas redes sociais.

      Meses se passaram, até que na sexta passada entrei no site da Amazon, muito despretensiosamente, e vi #GIRLBOSS em promoção. Meio que no impulso eu fiz a compra e então me peguei ansiosa para que o livro chegasse. E quando comecei a leitura foi impossível parar.
       O grupo editorial Pensamento Cultrix é formado por várias editoras, e #GIRLBOSS foi publicado pela Seoman, que é dedicada a livros de moda, cultura pop e biografias. Nunca havia adquirido nenhum livro desse grupo editorial e depois de ver o excelente trabalho realizado com #GIRLBOSS fiquei curiosa para ver o catálogo da editora e comprar mais livros da área.

      Sobre o projeto gráfico da publicação preciso dizer que está maravilhoso, papel adequado, diagramação limpa com destaques no lugar certo e cores que não chamam mais atenção do que o texto em si.

      E é aqui que chego ao melhor do livro: o conteúdo textual. A linguagem de Sophia não tem enrolação, e enquanto conta sua história ela mantém o foco no que realmente importa: deixar clara a importância de que você concentre todos os seus esforços na direção de algo que seja a sua paixão. Do contrário você vai sempre sentir que está remando contra a maré, sem chegar a lugar nenhum.

      Ela dá dicas valiosas que passam longe da superficialidade de livros tipo "10 dicas para alcançar o sucesso em 10 meses.". É uma garota contando suas experiências e instigando mais garotas a assumirem o controle das próprias vidas.

      Para ter um sucesso duradouro não há milagres, nem sorte. Há trabalho duro, atenção para com os detalhes e o mais importante: amor pelo que faz. Sophia aprendeu com os erros e não parou até chegar a um lugar onde ela finalmente se sentisse confortável.
     
      Eu sou movida a sonhos. Adoro fazer planos e imaginar o meu sucesso enquanto produtora editorial, blogueira, leitora profissional e criadora de conceitos para artes gráficas. Tudo isso enquanto eu viajo pelo mundo e me torno um ser humano mais evoluído.

      Contudo, eu tenho uma grande dificuldade em começar alguns projetos, meio que sou movida a resultados rápidos, sabe? Se não consigo ver frutos de algo no qual estou trabalhando acabo me desmotivando, e ler #GIRLBOSS me deu uma nova perspectiva.

      Vi minha própria vida e meus sonhos através de outro ângulo e percebi que preciso melhorar alguns aspectos, mudar algumas atitudes. Passamos tanto tempo olhando para o alto que por vezes não percebemos que olhar para frente também é importante. O que quero dizer é que sim, precisamos sonhar alto, mas é preciso começar com pequenos passos.


      Quando você trabalha focada naquilo que você ama, o resultado vem. Pode demorar três meses, um ano ou mais, mas se você tem confiança na sua ideia e consegue transmitir isso, o sucesso virá.

      As dicas de Sophia são valiosas, uma fonte de inspiração interminável. E o melhor de tudo é que ela escreve sobre o que tem propriedade, já que é a história da sua vida, de todos os empregos e coisas que não deram certo até a criação da Nasty Gal, a loja de roupas vintage que primeiramente surgiu no e-Bay e foi alcançando sucesso com o passar dos anos (com muito trabalho duro da Sophia e depois, dela com a sua equipe). Não há sucesso sem suor e em certos momentos, lágrimas, e Sophia deixa isso bem claro.

    Classificação:




      Então #GIRLBOSS, mãos à obra! Acredite no seu sonho e faça por onde. Não olhe apenas para o céu, lembre que olhar para frente também é importante. Aproveite as oportunidades e saia da zona de conforto. Muito mais do que acreditar, você precisa agir.

      Qual o sonho que você vai começar a construir hoje? Me conta aqui nos comentários e aproveita para dizer se gostou da resenha.


    Beijocas!