• Home
  • /
  • Sobre o blog
  • /
  • Colunas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Anuncie
  • Resenhas Novas

    Romance entre rendas

    Lady Clara é, atualmente, a moça mais desejada de toda a Londres. Conhecida por ter uma beleza estonteante e por se portar com uma verdadeira dama, Clara se vê tendo que rejeitar duas vezes por semana pretendentes que parecem brotar com cada vez mais frequência - eles nem se impostam que a temporada acabou. 

    Após ter sido salva duas vezes de casamentos catastróficos, Clara está decidida a se casar por amor, mas na sociedade em que vive isso é difícil. Principalmente porque Lady Clara deseja alguém que a veja por ela mesma: uma menina inteligente, que sabe pensar por si própria (algo nada recomendável para uma dama).

    É então que seu caminho se cruza com o do Corvo. Radford é um famoso advogado, extremamente inteligente, que, apesar de ter parentescos na alta sociedade, nunca se importou com isso, tendo como paixão argumentar a favor de seus cliente diante do tribunal. É por sua inteligência e seu sucesso que é procurado por Clara para encontrar um menino perdido, irmão de uma jovem ajudada pela Sociedade das Costureiras para Mulheres Desafortunadas. 

    Embora relute, Corvo acaba decidindo por ajuda-la, e é interagindo com Radford e ajudando na investigação que Clara, pela primeira vez na vida, se sente útil de verdade, se sente sendo levada a sério por um cavalheiro. 

    Romances entre rendas foi, para mim, o livro "meio termo" da série. Quem me acompanha sabe que adoro os livros de Loretta Chase, e amei os primeiros três volumes da série As Modistas, mas, infelizmente, não tive o mesmo caso de amores por esse aqui - o que não quer dizer que o livro seja ruim. Vou explicar. 

    Assim como nos volumes anteriores, a autora traz temas originais para um romance histórico: ela trata da parte pobre da sociedade, nos mostra como se lidavam com delinquentes e como é a realidade de crianças que não tiveram a sorte de nascerem com um título. Além disso, como já fez em volumes anteriores, ela deixa claro o quanto era difícil para uma mulher conseguir fazer algo de realmente útil para a sociedade - como ajudar um menino pobre. Isso, para mim foi o ponto alto da história.

    De longe, esse é o livro que mais sai dos padrões de romance histórico que conheço, e isso porque nele é muito mais vívido o que acontece fora da alta nobreza. Acompanhamos bem de perto o dia a dia de um advogado exercendo sua profissão e temos até uma certa ação envolvendo criminosos. Foi a parte que mais gostei pra ser bem sincera. 

    Só por esses motivos acredito que o livro vale a pena a leitura, porém, não posso mentir e dizer que amei esse volume da série. O fato é que, apesar de gostar da personagem, de sua vontade de provar a si mesma e ser vista por sua inteligência, não consegui sentir emoção alguma no decorrer do desenvolvimento amoroso entra ela e Radford. Aliás, eu gostei do próprio Radford, do modo como preza a inteligência de Clara, mas simplesmente não senti química alguma entre eles.

    Achei, de um modo geral, a parte romântica do livro bem superficial. Não consegui me conectar aos personagens, não me vi em suspiros pelo amor deles, não me vi nem mesmo ansiando pelo desenlace amoroso. A interação entre eles foi, para mim, bem fraca e não conseguiu me convencer. Esse foi todo o meu problema com a história.

    Mesmo assim, a narrativa envolvente da autora, e todos os outros fatores relacionados à trama que mencionei anteriormente me fizeram continuar a leitura e até que foi agradável. Alguns pontos da história conseguiram me divertir e fizeram com que não fosse um desperdício de tempo continuar a leitura.

    De um modo geral, como eu falei, não é que o livro tenha sido ruim, pelo contrário, ele tem seus méritos. Mas para um romance histórico achei que faltou muito do quesito romance e não senti emoção alguma. Talvez não tenha sido o momento propício para leitura no meu caso, e, por isso, indico que leiam para tirarem as próprias conclusões. Até porque o livro tem seus pontos positivos e acredito que vá agradar a uma maioria. 

    Classificação




    Beijos,